8 formas de mensurar o sucesso do meu e-commerce

Post-blog-8 formas de mensurar o sucesso do meu e-commerce

O Brasil nunca esteve tão próximo da tecnologia como agora. Isso se deve, principalmente, à crescente popularização do mundo digital. São milhões de pessoas on-line. O smartphone, por exemplo, foi o estopim para terminar de incluir digitalmente a parcela que restava de pessoas off-line. Afinal, basta um celular, um plano de internet móvel — que está cada vez mais acessível — e qualquer pessoa pode aproveitar o melhor da web.

O mundo dos negócios há tempos está de olho nesse movimento de digitalização das massas. Cada internauta representa um possível novo consumidor, que está muito mais suscetível à propaganda dos seus produtos ou serviços.

Por isso, o número de lojas on-line (e-commerces) não para de crescer. Esse modelo de negócio é extremamente escalável. Ele dispensa grandes investimentos em loja, um número alto de funcionários, entre outros.

Uma pessoa na internet representa um consumidor que pode olhar diversas vezes por dia a sua vitrine. Transformar isso em dinheiro é fácil, se você souber mensurar estratégias de sucesso para a sua nova loja on-line.

Muitas pessoas se perguntam: quais as formas de mensurar o sucesso do meu e-commerce? Existem diversas diretrizes capazes de trazer dados úteis que podem ser utilizados no planejamento de uma loja on-line.

Antes disso, é interessante que você conheça o principal termo de mensuração de resultados, o KPI (key performance indicator ou chave de performance). Para saber mais sobre as métricas essenciais para o seu e-commerce, continue a leitura!

Receita total da loja


Com certeza, essa é a medida mais básica e simples para qualquer empreendimento. Ela pode ser fornecida por um sistema de ERP integrado ao seu site ou até mesmo pelo próprio Google Analytics. Fique de olho nesse valor e estabeleça metas alcançáveis para balizar o seu futuro sucesso.

Taxa de conversão


Essa métrica vale ouro em qualquer comércio on-line. Ela diz respeito ao número total de visitas em relação ao número de compras efetuadas no site. Se o seu site gera milhares de acessos diários e pouquíssimos resultados em vendas, você precisa estudar o que está acontecendo.

Isso pode ocorrer porque o seu produto está posicionado de forma errada ou simplesmente por alguma falha no seu sistema de compras. Então, sempre tenha atenção à sua taxa de conversão.

É possível melhorar esse dado com a otimização de interface para facilita e encurtar o processo de compra, com promoções ou adição de produtos de variadas faixas de preço.

Ticket médio


Não adianta ter uma taxa de conversão maravilhosa se o valor de cada compra for pequeno. O valor médio, ou ticket médio, do seu e-commerce é muito importante. Afinal, você investe um bom dinheiro para manter o site atualizado e em campanhas de mídia digital.

Uma visita, que muitas vezes custa até dezenas de reais, não pode fechar apenas uma venda simples de poucos reais. Caso contrário, o seu lucro será seriamente afetado.

Para evitar isso, forneça benefícios a quem comprar mais de dois itens, como frete gratuito, desconto ou algum brinde. Isso elevará a sua taxa média por pedido e, consequentemente, o seu lucro.

Resultado de busca orgânica


Uma boa loja virtual é facilmente encontrável. Ou seja, ao pesquisar um produto, o seu site deve estar nos primeiros resultados para que você receba muitas visitas e compras.

Ter um site que não aparece frequentemente no Google é o mesmo que investir em uma loja completa no meio de uma floresta, onde poucas pessoas têm acesso. Logo, é preciso investir em SEO.

Investir nisso é muito importante, afinal, nem sempre você terá dinheiro para propaganda. Garantir um bom SEO é fazer com que o Google seja seu “amigo”. Dessa forma, ele  indica clientes sem que você precise pagar pelo serviço, e isso aumenta a sua visibilidade.

Fidelização e mensuração de visitas de retorno


Cada e-commerce usa esses indicadores de uma forma diferente. Se o que você vende possui o caráter de necessidade recorrente, é importante que você mensure formas de obter a fidelização do seu cliente.

Para avaliar isso, basta segmentar a taxa de clientes recorrentes, analisando como ele se comportou nesse retorno, qual produto o atraiu, no que clicou, quanto tempo permaneceu em cada página.

Dias de compra


Nem todo consumidor possui o mesmo hábito de compra. Tente identificar o horário e os dias mais favoráveis ao fechamento de negócios e estimule ou fortaleça outros dias por meio de disparos de e-mails e campanha on-line.

Dados de análise de audiência


Existem muitos dados que podem ser mensurados e interpretados para avaliar o sucesso de um e-commerce. Listamos aqui a taxa de clique de cada produto, tempo na página, taxa de rejeição, taxa de abandono (bounce rate), custo por aquisição (que é vital para medir o ROI – retorno sobre o investimento), total de visitas na página, etc.

Buzz Social


O Buzz Social, ou viralização da sua loja on-line, mostra se o seu negócio possui um mercado engajado ou não. Busque inovar nos seus produtos e estimule as pessoas a compartilharem informações sobre eles.

Cada curtida e comentário nas redes sociais envolvendo o seu e-commerce representa um anúncio gratuito e novo impacto em uma parcela de pessoas — que talvez você não tivesse alcance inicialmente.

Além disso, os testes realizados por um terceiro trazem mais confiança do que anúncio veiculado por você mesmo.

Existem diversas formas de medir o sucesso de um site. No entanto, tão importante quanto saber os números do seu negócio, é saber interpretá-los corretamente e definir estratégias para melhorá-los cada vez mais.

Possuir uma loja on-line evita diversas dores de cabeça e esforços que uma loja física traz, mas também demanda alguns tipos de cuidados especiais. Esses números são uma dessas demandas.

Cuide deles, pois cada dado define quanto vale o seu patrimônio digital. Então, esforce-se para atrair cada vez mais visitas e não se esqueça de segmentar. Esse é o grande segredo do e-commerce: adaptar cada ação a um objetivo específico.