Saiba como vender mais com os clubes de assinaturas

Web

Em evolução constante e já consagrado como um dos modelos de negócio mais rentáveis do mundo, o e-commerce já conquistou diversos adeptos por todo o globo. Frente a uma infinidade de possibilidades que o varejo online vem trazendo, diversos modelos de negócios vem incorporando-se ao e-commerce, e a mais nova sensação do momento são os clubes de assinaturas.

Relativamente novo, o modelo de negócios online baseado em clubes de assinatura está angariando diversos consumidores, além de empreendedores dos mais variados segmentos que, atraídos pelas possibilidades de aumento de receita e fidelização de clientes, aderiram ao clube de assinaturas, que promete movimentar bilhões nos próximos anos. Confira aqui quais são as vantagens de aderir também e como o clube de assinaturas pode impulsionar o seu negócio:

Como funcionam os clubes de assinatura?


Se em um e-commerce tradicional você basicamente oferece seus produtos em uma vitrine virtual, bastando o cliente escolher e pagar pelos produtos para recebê-los no seu lar, então podemos concluir que um clube de assinaturas funciona da mesma maneira, com a diferença de que o seu cliente se compromete a pagar todo mês, certo? Sim e não.

Um clube de assinaturas consiste basicamente em uma plataforma online na qual o cliente pode selecionar produtos ou categorias de produtos que sejam de seu interesse, comprá-los e programar para que eles sejam entregues periodicamente, pagando o plano completo previamente, que é escolhido de acordo com periodicidade de entrega, tipo de produto, quantidade e valor oferecidos.

Nesse modelo de negócios, a ideia central é transformar uma única decisão de compra em uma aquisição regular, levando o cliente a consumir os seus produtos periodicamente. Ainda que existam semelhanças com o e-commerce tradicional, os clubes de assinatura se diferem pelas vantagens que oferecem aos consumidores e empreendedores, e elas vão muito além de simplesmente não precisar fazer o checkout todo mês.

Quais são os tipos de clubes de assinatura?


Existem dois tipos de clubes de assinatura: aqueles baseados em praticidade e os especializados em curadoria, sendo este último o que mais se difere de um e-commerce tradicional. Confira as características de cada um:

E-commerce baseado em praticidade

É o que mais se assemelha a uma loja virtual tradicional. Ele visa a suprir de forma automática as necessidades básicas dos usuários, oferecendo produtos de rotina como comida, produtos para higiene, produtos para pets, cosméticos etc.

E-commerce baseado em curadoria

Aqui o foco é possibilitar experiências únicas aos clientes, oferecendo produtos novos com base em seu perfil. O tipo de produto varia: pode ser vinhos, cervejas, comidas gourmet e vários outros, geralmente indicados aos clientes por especialistas que viajam a diversas regiões para conhecer, provar e aprovar produtos.

Quais são as vantagens de implementar um clube de assinaturas?

Implementar um clube de assinaturas no seu e-commerce irá requerer planejamento e investimento. No entanto, os retornos tendem a ser satisfatórios e crescentes, pois as vantagens são inúmeras, tanto para o seu empreendimento quanto para o seu cliente. Confira as principais delas:

Para o clube de assinatura


Fidelização

Como o cliente efetuará uma assinatura, haverá um período mínimo pelo qual ele consumirá os seus serviços. Dessa forma, cabe a você garantir a excelência desses serviços, assegurando a qualidade total dos produtos, da entrega e do atendimento, de modo a tornar esse período de fidelidade não somente uma compra por “obrigação contratual”, mas uma experiência única.

Projeção financeira

Como o modelo de negócios é baseado em assinatura, será possível obter mais exatidão nas projeções de faturamento, despesas e lucro, uma vez que que o valor a ser pago mês a mês estará pré-definido com base no tempo e valor das assinaturas, possibilitando, por exemplo, definir com mais segurança seus investimentos.

Previsão de estoque

Sabendo de forma segura os produtos e quantidades que os seus clientes receberão nos próximos meses, bem como a data desse recebimento, a previsão de estoque necessário é exata, evitando qualquer tipo de depreciação ou perda de produto, no caso de produtos perecíveis.

Redução de gastos operacionais

Como a receita será recorrente em virtude do contrato, alguns dos processos (como o pagamento) estarão automatizados, o que reduz a necessidade de processos burocráticos mensais, como aconteceria no modelo tradicional.

Para o cliente


Comodidade

O cliente receberá de produtos cotidianos — como roupas e alimentos — até aqueles mais difíceis de encontrar — como vinhos de safras específicas — em casa, evitando que tenha de deslocar a mercados ou shoppings para comprar, sem precisar também de se preocupar em efetuar um pagamento todo mês.

Exclusividade

Os clubes de assinaturas — principalmente os baseados em curadoria — possuem a prática de mapear perfis específicos para cada cliente. Dessa forma, nos casos em que a assinatura não define exatamente o que será enviado (sabe-se que será um vinho suave, mas não de qual safra, por exemplo), a empresa já tem seu perfil mapeado e sabe qual tipo de produto irá lhe conferir uma experiência única.

Satisfação

Os clubes de assinatura mapeiam perfis específicos de clientes para oferecer produtos selecionados cuidadosamente com base em casa perfil. Além disso, entre os produtos costuma figurar pré-lançamentos, principalmente nos casos de bebidas e produtos gourmet, deixando o cliente a par deles antes do mercado. Cartões personalizados a respeito do uso dos produtos podem ser enviados para aprimorar a experiência.

Como implantar um clube de assinatura no meu e-commerce?


Assim como toda tendência mercadológica, existem casos em que sua aplicabilidade não é recomendada, e, no caso do clube de assinaturas, isso não é diferente. O primeiro passo é efetuar uma avaliação da estrutura da empresa, bem como se o tipo de produto ou serviço que ela oferece pode ser vendido dessa forma.

Se você é iniciante no mundo do e-commerce, o planejamento deve ser ainda mais minucioso, pois, além de mensurar somente novas demandas — que seria o caso de quem já tem certa experiência —, você precisará se adentrar em diversas questões, como logística para e-commerce, plataformas de vendas e lojas virtuais, certificação digital, integração com sistemas de transporte etc.

Decidido a implementar o clube de assinaturas, a próxima etapa é avaliar a sua estrutura tecnológica e logística. Afinal, você precisa estar preparado para a demanda projetada na etapa de planejamento para evitar, por exemplo, que muitos acessos simultâneos desestabilizem o seu site e acabem impossibilitando a compra dentro da sua loja, ou que a sua cadeia logística não consiga lidar com a entrega, acabe atrasando e torne o processo caótico.

Mesmo depois de operacional, o seu novo negócio deve ser constantemente otimizado para evitar a estagnação, que é a principal causa do famoso churn: a temida taxa de evasão de clientes. Avaliações e estudos de mercado, análise de satisfação do cliente e aprimoramento dos serviços de entrega e da gama de produtos são essenciais, afinal, em muitos casos, a experiência com o recebimento e uso do produto conta muito mais pontos do que o valor pago.

Ainda tem alguma dúvida sobre a viabilidade de implementar um clube de assinaturas no seu negócio? Assine nosso newsletter e fique a par do melhor conteúdo sobre e-commerce!